domingo, 2 de fevereiro de 2014

         RESSURREIÇÃO

O gás sempre esteve lá, não avisa onde,
mas escapa quando por um acidente
descobre-se que até alma tem dentes,
umas à mostra e outros a alma esconde.

Assim como o condado está para o conde,
o mundo está para os muitos clarividentes;
Os que constroem o dia com o que sente
e na nova era não perdem o novo bonde.

A técnica ensina o próprio gás à combustar,
linguagem universal ,explosão supernova
de estrela à étoile to el cielo of superstar.

No terreno onde plantamos , fruto é prova.
Pensamentos são colocado neste altar.
A imaginária projeção do além da cova.

Sérgio Brandão, 02.02.14.

sábado, 4 de janeiro de 2014

SORRIAM! ESTAMOS FILMANDO.

“Acredito que o olhar modifica o ambiente observado, seja ele interno ou externo. Há força nos olhos e como tudo no mundo é dual, olhos positivos e olhos negativos. Deixo que meu anjo tome conta dos olhares negativos e procuro filtrar os olhares externos carregados de rajadas de luz que invadem o restinho de trevas persistentes em prender a claridade; para tanto, oro, leio muitas coisas construtivas pois as considero um olhar dos mestres sobre nós.”

SORRIAM! ESTAMOS FILMANDO.

Quando as duas faces da mente
são vistas de fora para dentro,
descortina-se um poder latente;
este,no qual agora me concentro.

Há uma que  quando dormente,
uns nove anos ou novecentos
passam como alísios ventos
no passado, futuro e presente.

A objetiva , na subjetiva descansa;
o consciente no sub procura
a música que orquestra a dança.

É preciso ser visto pela fechadura,
pelo olho d’um mestre que lança
uma rajada de luz que perdura.

Sérgio Brandão, 04.01.2013.



quarta-feira, 20 de novembro de 2013

A ROSA DE SARON

Uma história mal contada é
o que faz a gente duvidar
de quem vai pra missa com fé
e duvida do bem com olhar.

Ah, se vocês soubessem do ar
que mostra até dedo do pé,
mais respeito teriam à este par
de olhos que lêem Malarmé.

Uma leitura guia a visão humana
ao verdadeiro e ao falso dom
que alguém divulga que emana.

Se olharmos para o que é bom,
a malícia, como que densa lama,
suja pétalas na Rosa de Saron.

Sérgio Brandão, 20.11.2012.



sábado, 22 de setembro de 2012





               O QUE HÁ

O que há pousado em uma brisa outonal
é o mesmo frescor de uma palavra nua;
rodando de mãos dadas com a aura da lua,
leva as andorinhas para um outro litoral.

Quando as Jubartes invadem a praia sua,
um sol frio vigiando as roupas no varal,
espera vestir o trabalhador que não sua
e o que há de poesia neste imenso sarau.

Há cães ladrando pela amizade duradoura,
dona Aranha recita da sua cadeia infinita,
na tarde que cai como Jesus na manjedoura.

O terceiro olho pousando no chão o céu fita
a tez da mãe Terra no poente que se doura
e enaltece o que há dentro de nós que levita.

            
                    Sérgio Brandão, 21.09.2012.



quinta-feira, 13 de setembro de 2012


O aparelho de ser inútil estava jogado no chão, quase
coberto de limos -
Entram coaxos por ele dentro.
Crescem jacintos sobre palavras...”

                           -Manoel de Barros.

     DIZERES DO OUTONO

A falta de polimento das palavras
torna o homem áspero, carrancudo;
Os terrenos que dentro de ti lavras
libertarão o que quer dizer um mudo.
As garras do arado passam bravas
deixando sulcos nas feições da gente
e um dia, o litoral que tanto amavas
surge nos olhos de quem não mente.

Enfrentar o mundo é recuar às vezes
e deixar que ele se resolva sozinho;
viver os dias sem pensar nos meses
e ser escolhido por um novo caminho.
Nem sabemos mais onde fica o ninho
que entorpeceu a prole de prazeres.
Nem a rosa que como um bom vinho
se desfolha em perfumes e dizeres.

Sergio Brandao, 12.09.2012.

sexta-feira, 10 de agosto de 2012

ALMA NÃO VAI PARA SEPULTURA


“...Ler é maçada,
Estudar é nada.
O sol doira
Sem literatura...”

-Fernando Pessoa


ALMA NÃO VAI PARA SEPULTURA

O astro rei dourou hoje sem litaratura,
energizou corpos de múltiplas raças,
mostrou-nos que a vida é aventura
desde o íntimo ao revelado nas praças.

Nunca se viu uma verdade mais pura,
distribuida tão justamente para massas,
em benefício de cada única criatura
que nem sempre te olha quando passas.

Toda vez que passamos pela alma dura
ou algo mais distante do sol central,
vemos um vazio de quem vive na uzura
e não sabe diferenciar o bem do mal.

Estes papéis pintados com tinta, afinal,
são apenas livros e podem ser a cura
para essa doença de quem não vê o sinal
da alma que não vai para a sepultura.

Sérgio Brandão, 08,08.12.
 

domingo, 29 de julho de 2012

"There is no good nonsense without sense"
-Gertrud Stein

(Não existe uma boa falta de sentido sem sentido)

RECEITA PARA QUEM COME LUZ.

Um cavalo cospe fogo para o luar,
ferve-se o gélido satélite que vira
água lunática na terra a derramar.
Eflúvios do corpo lunar sob a pira
derretem o gelo de quem não amar.

Verbo quando modificado vira lira
e faz tocar a música imaginária
composta nos brilhantes da safira,
ornando o canto fino da canária
que sonha, sente e reage na mira.

Quando o mundo não canta ária,
uma trilha sonora da ópera pessoal,
a lenda relida à luz da candelária
no meio da densa mata neuronal
insurge nova receita na culinária.

Sérgio Brandão, 29.07.12

« un tas de pierres cesse d'être un tas de pierres, des qu'un seul homme le contemple avec, en lui, l'image d'une cathédrale » —Antoine de Saint-Exupéry.

(Um monte de pedras deixa de ser um monte de pedras, quando um único homem o contempla e enxerga nele a imagem de uma catedral)


NO LIMIAR DO SONHO.

Quando brincava com meus primos
de que escada era carro de família
e chão de quarto era mar de mimos,
os sonhos faziam parte da mobília.

Na outra semana, tudo se realizava;
Íamos mesmo à praia de Olivença,
onde a escada de ondas se esticava
até o ponto que a distância a vença.

O chão do mar era quarto de mimos,
os elementais formavam a quadrilha
saltávamos rochas fugindo dos limos
e os sonhos apontavam nossa trilha.

Antes de haver aquele ser que sentava
alguem concebeu a cadeira como crença.
Sonhar acorda o que antes funcionava
sem precisar de pedir licença.


Sérgio Brandão, Malden (Ma)24.07.2012.


“We can become inspired to shape a higher, more ideal future, and when we do, miracles happen.” 
                                                     ― 
James Redfield, The Tenth Insight: Holding the Vision   
(Podemos nos inspirar e formar um futuro  melhor e idealizado, e quando o fazemos assim, milagres acontecem)

SONHOS E PROFECIAS

Raios adentram o escuro do quarto,
 sol tímido pelas frestas vem manso;
Um deles, incide sobre um livro farto
de mega pixels , de idéias em avanço
e o nascer se perde do dia do parto.

A foto do quadro de Leda e o Ganso
surge na página do livro que se abre.
Num surto de renascer sem descanso
na cadeia D.N.A. ,todo mundo sabe,
é o espaço atemporal que me lanço.

Todas as manhãs uma realidade cabe
no fundo do inconsciente que projeta
e sai da cama antes que o dia se acabe.
No novo dia a imaginação nos ejeta
do sonho que refaz em nós o profeta.

Sérgio Brandao, 29.07.12.

sábado, 30 de junho de 2012


« Sur les hauteurs de ces pyramides, quarante siècles nous regardent de haut. »

                                      Napoléon Bonaparte
From the heights of these pyramids, forty centuries look down on us. 
                                                                    Napoleon Bonaparte 


“Das Alturas destas pirâmides, quatrocentos séculos nos miram de cima.”
     

PACTO PIRAMIDAL

Foram lançadas as bases piramidais
numa época de amizade canina;
a época da simplicidade dos pardais
e d’oxigenação, efeito anti rotina.

A tríplice fome deglutia os animais,
dormia uma sonolenta dopamina,
apetite nos incitava à escrever mais
sagazes como as aves de rapina.

Os segredos liberam endomorfina,
prazer em sermos santíssima trindade.
somos réplica do que seja gente fina
donos de uma alma que não tem idade.

Sejamos assim. Há grande possibilidade.
Basta ver no outro a divina irmandade;
Ouvir espíritos em sussurros na rotina
e expulsar da alma todo tipo de toxina.





sábado, 16 de junho de 2012

JUNTEMO-NOS

A man is rich in proportion to the number of things he can afford to let alone.”
-Henry David Thoreau

(Um homem é rico proporcionalmente ao número de coisas que ele consegue dispensar)

JUNTEMO-NOS

Há um doce lado neste isolamento:
o da liberdade sem interferência
das pseudo –rédeas (paciência)...
nada impede o meu pensamento.

Não conhecemos ainda esta ciência
do saber adquirido com o vento;
-Mercúrio, a tí minha continência!
-(*)Saudacções, precioso invento!

Vamos,Solidão! Convidemos o invisível!
Juntemo-nos ao sumo d’uma existência
que acontece num mais alto nível.

Eis onde os Mestres da eterna paciência
guardam a sagrada pedra do indizível.
A mesma que orna o salão da Sapiência.





S.B. 15.06.2012.

terça-feira, 12 de junho de 2012

ABDUÇÃO


More than 10,000 sightings have been reported, the majority of which cannot be accounted for by any scientific explanation... I am convinced that these objects do exist and that they are not manufactured by any nation on Earth." "I can therefore see no alternative to accepting the theory that they come from some extraterrestrial source.
-Air Chief Marshal Lord Dowding, Commander-in-Chief of the Royal Air Force Fighter Command during the Battle of Britain, printed in Sunday Dispatch, London, July 11, 1954.

(Mais de 10.000 visões já foram relatadas, a maioria delas não tem explicação científica...Estou convencido que estes objetos existem e não são produzidos por nenhuma nação da Terra. Não consigo ver outra alternativa além de aceitar a teoria de que eles vieram de alguma fonte extraterrestre.)
             

ABDUÇÃO

-“Aquilo que chamas de corpo é moldura
e alma é o espelho voltado para o alto!”
Respondeu o verde habitante de Kandura
para terráqueo que conheceu no asfalto.

-“Desculpe, amigo!O  meu ser tão incauto
faz perguntas que só a paciência atura
por respeito mútuo  à evolução da criatura;
humilde, concluo: sou um mero ser no asfalto!

-“Em nosso plano está incluido o vosso planeta”
-“É este o interesse?  Uma ajuda desinteressada?
-“Ave, Oh, pássaros dormindo neste gameta.”

-“Não estou pronto  para viagem despreparada.”
-“Não precisarás de mala, roupa, carro ou gaveta...
projeção :conforto. Vamos! O trajeto é sem parada.”

                               -Sérgio Brandão  (Ma) 12.06.2012.

sexta-feira, 8 de junho de 2012


TEIAS E PERFUMES

Antes da morte, este teimoso sonho
de aura se expandindo na amálgama;
o que o tempo me toma, eu reponho:
-Rehidrato calmo no meio da azáfama.


A noite cobrindo o dia que foi risonho
com seu índigo tom embalsamado;
É quando cheiro as estrelas e suponho:
-São sonoras e o cosmos perfumado!

Precioso incenso ao trono do altíssimo;
em meio ás teias de um colorido vapor
com perfume, perfume suavíssimo.

Alma aranha, expele filamentos de amor;
 o corpo é ponte para o céu, um ístimo:
-Prece carregada de moléculas de odor!

Sérgio Brandão, Malden (Ma) 08.06.2012.

domingo, 20 de maio de 2012

AULA DE BIOLOGIA


A religião do futuro será cósmica e transcenderá um Deus pessoal, evitando os dogmas e a teologia.”
                                                                                                    -Albert Einstein

AULA DE BIOLOGIA

Em verdade eu também vos digo,
ainda que em mentira tenha vivido,
esperando dissipar o véu da ilusão
que desce lá dos astros até a libido:
-aprendi muito sobre o sim e o não.

Sim. A vida muda a cada segundo
e nada do que eu lí sobre o mundo
foi a mesma coisa ao pisar no chão.
O corpo cai num poço sem fundo
e pesca a luz que foge da escuridão.

A mesma vida vista por um anão
ou mesmo pelo gigante, se expande,
se descondensa e, solta na amplidão,
vira célula em meiose muito grande;
embora caiba dentro de um coração.

Sérgio Brandão, 19.05.2012


AULA DE COSMOLOGIA


As principais partes da teoria de Copérnico são:
§  O centro do universo é perto do Sol.
§  Perto do Sol, em ordem, estão Mercúrio, Vênus, Terra, Lua, Marte, Júpiter, Saturno, e as estrelas fixas.
§  A Terra tem três movimentos: rotação diária, volta anual, e inclinação anual de seu eixo.
§  O movimento retrógrado dos planetas é explicado pelo movimento da Terra.
§  A distância da Terra ao Sol é pequena se comparada à distância às estrelas.

AULA DE COSMOLOGIA

Quem diria que a nossa Terra girava
em torno do astro mais próximo
 do centro de tudo e que equinócio
é o eixo rotacional que nos inspirava?

O tempo é relativo ao bom observador.
o centro do universo, perto do sol,
gira vórtices coloridas como arrebol
mais rápido do que um espírito amador.

Assim também se condensa uma ideia,
girando , uma esfera, órbita pessoal,
de significado mais claro do que Galiléia.

Quem diria que este mesmo material
que alimenta mil zangões numa colméia
cria em cada um de nós um sonho especial?     
                                                                                       -S.P. Brandão.  19.05.2012

quinta-feira, 3 de maio de 2012

CIÊNCIA POPULAR

Visgo. A coisa dos olhos grudados
demora muito querer ir embora.
Fala, gestos e temas multiplicados
dançam soltos na música do agora.

Fora da corrente, à rolar nos dados,
palpites aéreos sobre nossa sorte;
gente captando nos olhos mudados
uma presença imantada mais forte.

Dizem que é química do cheiro seu;
talvez do modo como se movimenta
os átomos, orixàs ou o mito de Teseu.

Não se sabe como que o corpo inventa;
arte que a ciência ainda não escreveu
sobre este frio que o fogo aumenta.

-Sérgio Brandão. 28.03.2012.

quarta-feira, 2 de maio de 2012


A proporção de abelhas fêmeas em comparação com abelhas machos em uma colméia é de 1,618;
-A proporção que aumenta o tamanho das espirais de um caracol é de 1,618; 
-A proporção em que aumenta o diâmetro das espirais sementes de um girassol é de 1,618;
-A proporção em que se diminuem as folhas de uma árvore a medida que subimos de altura é de 1,618;
-E não só na Terra se encontra tal proporção. Nas galáxias as estrelas se distribuem em torno de um astro principal numa espiral obedecendo à proporção de 1,618 também por isso, o número Phi ficou conhecido 
como A DIVINA PROPORÇÃO.

INTELIGÊNCIA ALGÉBRICA

PHI!  Hum mil seiscentos e dezoito,
desde a criação do firmamento,
ao resultado de mil coelhos em coito
tudo remete à cifra do momento.

Pirâmides, Grego proporcionamento,
constelações, apenas um introito
do nosso parco entendimento ,afoito
esbarro na matemática do aumento.

Deus é pai do presente cálculo universal.
E nós, filhos da coincidência numérica,
nem sempre o reconhecemos como tal.

Vivemos na superfície, região periférica;
mas, da cabeça até a área mais abissal,
a forma por ele escolhida é esférica.

Sérgio Brandão, 02.05.2012.

segunda-feira, 23 de abril de 2012

CLAUSTROFOBIA AVANÇADA

“...Todo o Universo é uma cela, e o estar preso não tem que ver com o tamanho da cela...”
                                                                                                      -Álvaro de Campos 

CLAUSTROFOBIA AVANÇADA.

 Álvaro tem uma claustrofobia diferenciada:
-tem medo de trancar-se ensimesmado;
evitando até a necessidade de ser amado
 e assim, achar-se em liberdade asfixiada.
 É assombroso quando pensa que o corpo
 depende dessas tantas coisas para viver.
 Liberta-se da fobia se começa a escrever
sobre o que ser, alem do que seria morto.

 Nao gosta do apego da alma ao mundo;
 Embora tenha uma paixao pelo porto,
 viajar nas ondinas o conduz ao absorto
e o mar lhe parece um poco sem fundo.
Evita os que criam a realidade imutavel,
Flerta com a possibilidade do alcancavel.
Admira tudo que do espaco e oriundo;
Status e dinheiro, no futuro moribundo?

 Pessoa receitou-lhe um remedio esquisito:
Dose diaria do extrato puro de um centauro
Ate quando apareca um amplo circulo auro
nas coisas do dia e que a noite do infinito
nunca seja negra e sim de um azul bonito
como meteoro que extinguiu o dinossauro.

 Sergio Brandao. 23.04.2012.

segunda-feira, 16 de abril de 2012

NARCISISMO


I'm sorry but I don't want to be an Emperor, that's not my business. I don't want to rule or conquer anyone. I should like to help everyone if possible, Jew, gentile, black man, white. We all want to help one another, human beings are like that. We all want to live by each other's happiness, not by each other's misery. We don't want to hate and despise one another. In this world there is room for everyone and the earth is rich and can provide for everyone.

(Sinto muito, mas não quero ser um emperador, não é da minha conta. Eu não quero comandar ou conquistar ninguém. Eu devo é sentir prazer em ajudar alguém se possível, judeu, não judeu, negros, brancos. Todos queremos ajudar-nos uns aos outros, seres humanos são assim. Todos queremos viver pela felicidade um dos outros. Neste mundo tem espaço para todos e a Terra é rica e pode prover tudo para cada um de nós.)

- Charles Chaplin 16.04.1889 á…Eternidade.


NARCISISMO

Um homem pode existir sem a fama,
com e às vezes sem sensata existência.
Quando obscuro busca aquilo que ama;
sem flashes, brilha mais que opulência.

Anônimo ou famoso, a mesma vaidade
do subordinado ou de Vossa Excelência
satisfaz o jovem e o homem de idade
que a recebe com a mesma reverência.

Meu pai penteava hirto, fios escassos
com o mesmo esmero da juventude
em que inspirava beijos e abraços.

O amor que temos pelos nossos traços,
seja na genialidade ou na decrepitude
é tapete vermelho aos nossos passos.

Sérgio Brandão, 16.04.2012.

O ESCUDEIRO DE VÊNUS
(Para Ingrid, minha filha)

“I cannot think of any need in childhood as strong as the need for a father's protection.”
~Sigmund Freud

As suas mãos eram tão longas e finas
como o perfeito caimento de uma renda
sobre a saia de todas as almas femininas.
Recebida de Vênus, a beleza é sua prenda.

Ser bela é uma das asas do teu destino:
-Pássaro solto no Nordeste brasileiro!
Sempre ansia que a noite desça ligeiro
para disputar com a lua (poético estimo).

Foi em um mês de Outubro a sua chegada;
queria te mostrar para o mundo inteiro;
não o fiz, mas em uma bela madrugada
te mostrei ao céu, nosso amor primeiro.

A estrela Dalva sorria e piscava pra gente.
A lua se desmanchava ao sentir seu cheiro.
O sol, curioso, queria amanhecer urgente.
Sua mãe era Deusa Grega e eu, o escudeiro.

Sérgio Brandão, 06.10.11.

domingo, 15 de abril de 2012


Píndaro (gr. Πίνδαρος) teve grande fama em vida e durante toda a Antiguidade. Era chamado de "príncipe dos poetas" e, com ele, a lírica grega atingiu simultaneamente o apogeu e o fim.


“ Minha alma não aspira à vida imortal, mas esgota o campo do possível.

Não é possível com mente mortal , indagar os pensamentos dos deuses.”

-Píndaro .

CONVITE DA CONFEDERAÇÃO PÓS – MODERNA.

Convidamos para a diária confederação
da confabulação mística dos portadores
da tocha unitária. Senhoras e Senhores,
leremos o que diz cada letra do coração.

O corpo no qual uma alma clareia a razão
é como estrela vista onde a treva esconde;
nuvem negra antes da aquosa explosão
que assusta gente onde o raio estronde.

Convidamos todos para a grande alquimia
da elite de visionários que usam o corpo
como passagem para o que a alma intuia.

Antes dos sonetos,depois do estilo que viria,
estamos nós, intergaláticos poetas do porto,
estelar paragem onde Píndaro escreveria.

Sérgio Brandão. 12.04.2012

CONVITE DA CONFEDERAÇÃO

Píndaro (gr. Πίνδαρος) teve grande fama em vida e durante toda a Antiguidade. Era chamado de "príncipe dos poetas" e, com ele, a lírica grega atingiu simultaneamente o apogeu e o fim.


“ Minha alma não aspira à vida imortal, mas esgota o campo do possível.

Não é possível com mente mortal , indagar os pensamentos dos deuses.”

-Píndaro .

CONVITE DA CONFEDERAÇÃO PÓS – MODERNA.

Convidamos para a diária confederação
da confabulação mística dos portadores
da tocha unitária. Senhoras e Senhores,
leremos o que diz cada letra do coração.

O corpo no qual uma alma clareia a razão
é como estrela vista onde a treva esconde;
nuvem negra antes da aquosa explosão
que assusta gente onde o raio estronde.

Convidamos todos para a grande alquimia
da elite de visionários que usam o corpo
como passagem para o que a alma intuia.

Antes dos sonetos,depois do estilo que viria,
estamos nós, intergaláticos poetas do porto,
estelar paragem onde Píndaro escreveria.

Sérgio Brandão. 12.04.2012

quarta-feira, 11 de abril de 2012


REDE NA DIMENSÃO CONHECIDA

Teoria do continuum: entre os átomos existe o vácuo, por isso a matéria não pode ser diminuta, atômica.
-ARISTÓTELES

REDE NA DIMENSÃO CONHECIDA.

O peso que exerces sobre o globo
aciona em outra esfera orbitada,
a mesma alma de cordeiro ou lobo
que projetas na imensidão habitada.

Ë uma rede eterna de ação imantada,
a aranha mestra tece a regra do jogo.
Os Insetos comidos por raça adiantada
escolhem progresso veloz ou moroso.

Há entre os átomos a eternidade do vácuo
que não deixa a vida ser somente atômica.
Para quem não sabe, boitatá é fogo fátuo.

Parai e profetizai mais um verso profícuo;
dormir sem sono? É inútil essa tônica,
a órbita é elíptica.o eixo da terra: Oblíquo.

Sérgio Brandão.09.04.2012.

ALEMÃO :Man kann ins Schwärmen über alles. Eine Zeit lang war ich mit Bombe werfenbegeistert. Es gab mir eine enorme Freude, die Kerle von oben zu bombardieren.

Manfred von Richthofen ( O BARÃO VERMELHO)

One can become enthusiastic over anything. For a time I was delighted with bomb throwing. It gave me a tremendous pleasure to bomb those fellows from above.
- Manfred von Richthofen (THE RED BARON)

Uma pessoa pode se entusiasmar com qualquer coisa. Já fui fascinado com bombardeios. Me dava um prazer tremendo jogar bombas lá de cima naqueles companheiros.
Manfred von Richthofen ( BARÃO VERMELHO)

“Conhecerás a verdade. A veradae vos libertará.”
JESUS CRISTO

SANTOS DUMONT E BARÃO VERMELHO.

Dumont desafiou e venceu a gravidade,
achou insano usar aviões para a guerra.
Os Wright tentam roubar a honestidade
do gênio que queria paz sobre a terra.

Barão Vermelho, ícone de hombridade,
ás da aviaçao, amado até pelos inimigos.
Seu vôo :arquétipo do sonho de liberdade
Pilotos: pássaros ; portanto, bons amigos.

Muitos se conformam na impossibilidade.
o pão de hoje, antes fora ramo de trigo
trasnformado por milagrosa atividade.

O Barão não abatia outros por maldade,
Dumont não se intimidava com o perigo.
Eram poetas .Reenxergavam a realidade.

Sérgio Brandão, 09.04.2012.

sexta-feira, 6 de abril de 2012


“...E assim nas calhas de roda
Gira, a entreter a razão,
Esse comboio de corda
Que se chama coração.” – Fernando Pessoa


ESTÓICO : Não apresenta exteriormente nenhuma comoção, nenhum sofrimento, nenhuma sensibilidade; calmo, fleumático, frio, imperturbável; que manifesta indiferença e desprezo pelos males físicos e morais, procurando aniquilar os desejos e as paixões e viver conforme a Razão e a Virtude


NEM ESTÓICO, NEM MELODRAMÁTICO.

Nada se condensa num perene estado,
não que tudo deva ser estático assim,
parece que o segredo está dentro de mim,
mas um anjo ainda, o mantém guardado.

O esforço para enxergar a paz não é dado,
não que tudo deva ser gratuito assim,
a resposta dada por intuição é sempre sim,
mas o pai, nem sempre se sente amado.

Oh, turbilhão! Comboio de cordas.Coração:
bomba de sangue com a gênesis eclodida
ou és a glândula timo sujeita à emoção?

A saudade não é piegas: nunca é em vão.
Quando eu voltar da memória escondida
a dinâmica da vida me dirá que horas são.

Sérgio Brandão. 06.04.2012.

terça-feira, 3 de abril de 2012


“…O last night I dreamed of you, Johnny, my lover,
You'd the sun on one arm and the moon on the other,
The sea it was blue and the grass it was green,
Every star rattled a round tambourine;
Ten thousand miles deep in a pit there I lay:
But you frowned like thunder and you went away. ” – W.H. AUDEN.

( AFASIA - Indecisão da inteligência diante de um juízo problemático)

“... Diante daquilo que não entendemos a reação mais correta deveria ser a proposta pelo filósofo Pirro, segundo ele o sábio deve recusar-se a pronunciar-se e adotar uma postura contemplativa, esse silenciar-se recebe o nome de afasia...” –
do Blog A FILOSOFIA DA AFASIA OU A AFASIA DA FILOSOFIA.


SONHO EPIFÂNICO: AFASIA.

Noite passada sonhei outro mundo,
diferente deste e muito mais profundo;
Poder-se ia deslocar a alma no tempo,
visitar harém, altar, prostíbulo ou templo.
Era o puro exercício da liberdade inata
e neste sonho minh’alma era mais pacata.

Tudo era transparente em cada pessoa,
saber-se ia da má indole diante da boa;
ia-se do que seja purgatório, inferno, céu,
do jeito que a abelha vibra e produz o mel.
Era junção do deserto com o mar e a mata.
Diante disto, minh’alma quedou-se pacata.

Acordei com a sensação de não pertencer
à este mundo de nascer, viver e morrer.
Agora estou dividido entre o sonho e o dia
em estado de quem brinda com afasia.
No sonho,vida, estavas tão mais abstrata
e minh’alma era concretamente pacata.

Sérgio Brandão. 30.03.2012

ESTAÇÃO DAS FLORES


“Num meio-dia de Primavera
Tive um sonho como uma fotografia.
Vi Jesus Cristo descer à terra.
Veio pela encosta de um monte
Tornado outra vez menino,
A correr e a rolar-se pela erva
E a arrancar flores para as deitar fora
E a rir de modo a ouvir-se longe...” Fernando Pessoa

ESTAÇÃO DAS FLORES

Só o tempo nos trará a hora certa,
em que a tão esperada estação,
desatará este nó que nos aperta
as cordas do comboio: coração.

Quando a rosa não for mais botão
a vida, sábia, vem e nos oferta
um plano feito de sonho e ação
que brotará na hora mais certa.

O sentido de tudo está na espera
daquilo que nos faz sonhar e agir
até que vejamos uma luz na esfera.

Amanhã, se não fosse essa quimera,
levantar-se da cama, chorar e sorrir,
seria semente de rosa sem primavera.

Sérgio Brandão, 25.03.2012.

QUEDA LIVRE




De onde ela vem?! De que matéria bruta
Vem essa luz que sobre as nebulosas
Cai de incógnitas criptas misteriosas
Como as estalactites duma gruta?!...

–AUGUSTO DOS ANJOS ( A IDÉIA)

QUEDA LIVRE

Ela desce de alturas impercebíveis aqui
embaixo, meio de infinita amálgama,
ressonando em voz a divina anáfora
nos versos, filmes, óperas e Kabuki.

Percorre via infinita em Português,Tupi,
via línguas advindas do estrangeiro,
canalizada na música do brasileiro
Carlos Gomes que compôs O Guaraní.

Cai das alturas um pacote chamado arte.
Ninguém nunca soube de que parte
do universo de um verso ela surgiu.

Conexão do céu com nossos neurônios,
vapor, ebulição dos nossos hormônios,
virou poema onde a idéia caiu.

Sérgio Brandão.03.04.2012

domingo, 1 de abril de 2012


“…O last night I dreamed of you, Johnny, my lover,
You'd the sun on one arm and the moon on the other,
The sea it was blue and the grass it was green,
Every star rattled a round tambourine;
Ten thousand miles deep in a pit there I lay:
But you frowned like thunder and you went away. ” – W.H. AUDEN.

( AFASIA - Indecisão da inteligência diante de um juízo problemático)

“... Diante daquilo que não entendemos a reação mais correta deveria ser a proposta pelo filósofo Pirro, segundo ele o sábio deve recusar-se a pronunciar-se e adotar uma postura contemplativa, esse silenciar-se recebe o nome de afasia...” –
do Blog A FILOSOFIA DA AFASIA OU A AFASIA DA FILOSOFIA.

SONHO EPIFÂNICO: AFASIA.

Noite passada sonhei outro mundo,
diferente deste e muito mais profundo;
Poder-se ia deslocar a alma no tempo,
visitar harém, altar, prostíbulo ou templo.
Era o puro exercício da liberdade inata
e neste sonho minh’alma era mais pacata.

Tudo era transparente em cada pessoa,
saber-se ia da má indole diante da boa;
ia-se do que seja purgatório, inferno, céu,
do jeito que a abelha vibra e produz o mel.
Era junção do deserto com o mar e a mata.
Diante disto, minh’alma quedou-se pacata.

Acordei com a sensação de não pertencer
à este mundo de nascer, viver e morrer.
Agora estou dividido entre o sonho e o dia
em estado de quem brinda com afasia.
No sonho,vida, estavas tão mais abstrata
e minh’alma era concretamente pacata.

Sérgio Brandão. 30.03.2012

quarta-feira, 28 de março de 2012

NÃO É DE PSICOMETRIA


« La patience rend tolérable ce qu'on ne peut empêcher. »

- Horace

(A paciência torna tolerável aquilo que não podemos evitar)
(Patience makes bearable what we cannot avoid)


NÃO É DE PSICOMETRIA.

Uma fogueira consta de variada
gama de toros se multiplicando,
faíscas , calor e beleza animada
onde o grave fogo vai brincando.

A primavera ainda está resfriada;
por isso projeta-se o clima ideal,
abrem-se janelas de ar na pineal
e o verão chegará em passarada.

Agora, parei de medir inteligência.
Nem sei se estás acompanhando.
É raciocínio ou mesmo demência?

Não é de psicometria a urgência;
O que urge e grita me apressando
é que leia o poema com paciência.

Sérgio Brandão, 28.03.2012.

sexta-feira, 4 de março de 2011


...Entendo bem o sotaque das águas
Dou respeito às coisas desimportantes
e aos seres desimportantes.
Prezo insetos mais que aviões...” –Manoel de Barros


JUSTIÇA NO FORMIGUEIRO


Uma formiga bem bunduda e preta,
sentadinha num caroço de pipoca
seguia carregada, a rainha ninfeta
da infância feliz que por hora evoca.

Um menino indgnado com a tirania,
se achando um rei no seu quintal,
soprou, como uma forte ventania,
achando a cena um exemplo do mal.

Caos instalado á porta do formigueiro.
Ouvia-se a fúria titânica dos soldados,
Visível a expressão de todos indignados
e o menino se achava um justiceiro.

Todas elas sobreviveram ao furacão,
com brio ferido, a rainha destronada,
talvez tenha aprendido uma boa lição
de um menino que não sabia de nada.

Sérgio Brandão, 03.03.11

“...O vôo do jaburu é mais encorpado do que o vôo das horas...”
-Manoel de Barros

PASSARINHOS NO RELÓGIO

Hoje alimentei os doze pássarinhos
estampados no relógio da parede;
disse coisas engraçadas e fiz carinhos
agregando-os á este mundo em rede.

Toda imagem carrega a vida e a doçura
onde águas de lembranças causam sede.
Mal -entendidas, a morte e a amargura
são conhecidas por quem lá já esteve.

Por isso alimento os doze passarinhos,
para não perdê-los em nenhuma hora.
Para que nunca abandonem seus ninhos
no peito de quem rí e de quem chora.

Se antes eu os prendia, estão soltos agora
em gravuras que envelhecem como vinhos.
Têm um canto que encanta de hora em hora,
onde ventos alísios... nunca movem moinhos.

Sérgio Brandão.04.03.11.

quarta-feira, 5 de maio de 2010

FLERTE


“ Truth is a great flirt.” -Frans Liszt. ( A verdade ‘e um grande flerte)

FLERTE

A paisagem de árvores revestida,
floridas, a dualidade dos gêneros:
o marron dos troncos, o pai da vida…
flores, a mãe dos brotos efêmeros.

O vento e sua Quixotesca aventura,
passeia entre curvas de bel prazer.
A brisa com a sua suavidade pura,
acompanha seu parceiro no correr.

Assim como casam o fogo e a brasa,
a terra em eterno idílio com a água,
o céu, poligâmico de estrelas, casa
tambem com a chuva que deságua.

Tudo se flerta em projeção infinita,
como o bom leitor faz com o livro.
Em cada elemento, o universo vivo
Induz ao que mutuamente se fita.

Sérgio Brandao, 04.05.10

Porque eu fazia do amor um cálculo matemático errado: pensava que, somando as compreensões, eu amava. Não sabia que, somando as incompreensões é que se ama verdadeiramente. Porque eu, só por ter tido carinho, pensei que amar é fácil.
Clarice Lispector

CONCRETISMO ABSTRATO

A vida é um fenômeno abstrato ou
concreto, segundo a manifestação
momentânea e que á ela se somou
exigindo de nós o amor ou a razão.

O que é concreto como o trabalho
acontece quando o abstrato amor
usa os corpos através deste atalho
entre perceber a escuridão e a cor.

Amamos a beleza , corpo condutor,
da vontade e da ação somos donos;
quando não, é o abstrato pensador
tão concreto quanto nossos sonos.

Pensar é tão concreto quanto pão
abstrato como a alma que ocupa
o universo na palma de uma mão
que por amor rege a concreta luta.

Sérgio Brandao, 30.04.2010.

sexta-feira, 23 de abril de 2010

INTERLUDIO COM FLORBELA


INTERLÚDIO COM FLORBELA

De tanto andar pelo mundo afora
Já descobrí que não existe cansaço;
quando se quer ocupar um espaço
a grande vontade avança no agora.

Mesmo dono de um coração partido
pelas tristezas não fui dominado,
a não ser quando eu sou o culpado.
Fico triste pelo dever não cumprido.

Mas ando muito,deixo fluir esperança,
tenho admirado a Florbela Espanca
e adoro ir onde meu destino me lança.

A quem interessa saber quem eu sou
sou apenas mais um que sonhou;
Um que sempre sorriu e sempre chorou.

Sérgio Brandão, 09 . 03. 10.